Biomassa: energia sustentável

Biomassa: energia sustentável
Como consequência do uso abusivo de recursos sustentáveis, produção e descarte exacerbados de vários tipos de poluição, a temperatura global está um (01) grau Celsius acima do ideal.  O aquecimento pode parecer mínimo, mas o planeta Terra já começou a sentir as consequências em condições climáticas extremas. Esse aquecimento acarreta ainda, no aumento do nível do mar e diminuição das geleiras do Oceano Ártico. Nesse contexto, as fontes renováveis de energia elétrica têm sido assunto de debates não só no Brasil, mas no mundo todo. A biomassa surge como uma grande chave na colaboração com o meio-ambiente, que, atualmente, corresponde a mais de 8% de potência na matriz energética do País.  Tal fonte de energia apresenta todos as características das fontes térmicas estruturantes e é economicamente competitiva. Ademais, a base florestal brasileira permite que os níveis dos reservatórios aquíferos sejam regulados, o que minimiza as chances de desabastecimento de energia elétrica proveniente de escassez de água. Uma das vantagens ambiental da biomassa é que seu balanço de emissão do CO² é nulo, uma vez que o dióxido de carbono emitido pela queima fora previamente absorvido pelas plantas que compõem o combustível. Além dos benefícios ambientais, a produção de energia a partir da biomassa também atinge positivamente a comunidade rural local, uma vez que gera desenvolvimento e qualificação da mão de obra.  

Potencial Florestal: produção responsável

A Potencial Florestal é uma empresa sustentável que oferece essa fonte de energia econômica, seguindo as normas da ABNT, para pequenas e grandes indústrias.  Utilizando a biomassa em caldeiras no lugar do gás natural ou gás GLP, ou óleo BPF, por exemplo, o cliente produz menos CO² e também se torna mais econômico e sustentável. Para além da questão ambiental, a Potencial Florestal oferece ao cliente a excelência para a utilização da biomassa de forma 100% aproveitável, tornando o negócio também economicamente viável. No período de produção, por exemplo, a Potencial Florestal adota algumas medidas para melhor aproveitamento como: Manter o teor de umidade da biomassa ideal para a combustão; Manter todas as propriedades da madeira conservadas; Manter o tipo e diâmetro de solo considerado fundamental para o tipo de produto; Manter o mínimo de contaminantes que podem estar presentes, como pedras, areia e outros resíduos. O processo completo – desde o plantio, colheita e preparo – da biomassa é executado por profissionais especializados na área e segue padrões rígidos para que o produto apresente altos índices de aproveitamento na cadeia de abastecimento. Isso torna a biomassa da Potencial Florestal um produto de excelência e garante a referência no mercado.